light gazing, ışığa bakmak

Sunday, October 5, 2008

cinco

minutos de Fellini valem por Hollywood em peso (e um pensamento para o fim-de-semana, solace.) Falava de I Vitelloni, um filme de 1953, o terceiro da sua carreira e longe ainda da La Dolce Vita de 1960, embora tenho ganho já o Leão de Prata de Veneza. Um filme autobiográfico, filmado em Rimini. Gostei de encontrar todos os tiques e obsessões que foi revisitando ao longo dos filmes e dos anos, personagens, temas, paisagens e cenários; gostei das cenas com o anjo dourado, gostei da praça vazia depois do carnaval, gostei da cena final de despedida e um adeus do próprio Fellini, gostei do poeta à beira da água. este é mesmo o meu cinema.



4 comments:

uemeai said...

agitado o fim de semana? procurei mas não encontrei essa. precisa de mais trabalho de pesquisa.
uma semana excelente
beijos

uemeai said...

esqueci-me... e o plâncton? é por andar à tona e não se deixar afundar? assim parece.

Marta bem disposta sem tempo para a posta said...

O meu pensamento do fim de semana foi "Como pintar as palavras, passar do risco e ficar bonito?"

Olá, olá :) Bom dia!!! :))

A Mesa de Luz said...

e agora uma semana excelente Armando! plâncton: é segredo :)

Marta a trezentos, ora bem ! :)

 
Share