Tuesday, December 2, 2014

prendinha de natal para quem não gosta de literatura:

..."quem mandou no país nas últimas décadas não foram os políticos, foi uma coligação de políticos, eleitos porque votados, com um grupo de decisores económicos, não votados pela população. A grande dúvida que fica por esclarecer é para onde pendeu mais o fiel da balança do poder durante estes anos, entre os dois grupos citados. Se foi para os políticos, tendo os gestores e accionistas aproveitado as oportunidades que os primeiros criavam; ou se foram para os gestores e accionistas dos grupos económicos e do sistema financeiro que levaram os políticos a agir como agiram para proveito mútuo.
Na realidade, até agora nenhum organismo de controlo, nem sequer a Troika, conseguiu controlar completamente esta coligação não votada, que continua em actividade.
Porque será?"
José Gomes Ferreira, O meu programa de governo.

a vantagem de 'ser de literatura' e nunca aceitar duas possibilidades (nem três ou quatro), pois tudo é possível sempre e ao mesmo tempo. neste caso, e embora tenha tendência a dizer que o fiel pendeu para os interesses económicos, a verdade é que uns e outros não são dois grupos mas um grupo só. e é deste grupo único (do qual fazem parte uma enorme percentagem de "jornalistas") que estamos, nós portugueses, reféns.

[de quem foi a culpa de DEZ mortos em Vila Franca de Xira?, por exemplo]

viva a revolução.


No comments:

 
Share