Monday, February 9, 2015

memória

que cidade, Lisboa, que praça poderia falar mais comigo senão a igreja da memória na praça da memória, em Belém, rés-vés à Ajuda onde nasci.


ali abaixo, quase invisível aos olhos, o beco do chão salgado. nomes e palavras de Lisboa.

(here)

No comments:

 
Share