Monday, June 6, 2016

'Refluxo'

repito-me: a morte de Saramago deixou-me uma saudade que não foi saciada nem se esvaneceu. de propósito deixei coisas por ler, bastantes, para ter páginas assim por dizer de reserva. um pouco como Eça de Queirós e Dostoyevsky, que me perdoem a grafia à l'anglaise. quando cheguei a meio da colecção completa, deixei de os ler. de Tolstoy deixei pouca coisa, os Cossacos, isto e aquilo. de Vieira quase tudo: é uma excelente obra para a velhice, se lá chego. Joyce adiei-o tanto que agora passou-me o prazo do prazer.

'Refluxo' em Objecto Quase (que gosto comprá-lo na Pó dos Livros onde não me tratam como louca se peço livros pré-acordo) é absolutamente memorável, um conto saramaguiano tão perfeito que leva qualquer devoto à reza, salvo seja. (The Lives of Things, Saramago's early work includes six short stories. the first one makes little sense to amateur readers from different countries but all the sense to the Portuguese as it refers to the dictators chair and his fall from it, in a long drawn description of the fall that would symbolize the end of the long 40 years of dictatorship. 'Embargo' is a mostly surrealistic tale of a man whose car takes over and will not let him leave. The most perfect short story is Refluxo, first sentence here, since I cannot see the 2013 translation of the book.)
tantos romances estão neste livro ainda em potência.

great review here. another one here.

No comments:

 
Share