Saturday, September 20, 2014

perspectiva matinal


cem por dento descanso até ao meio-dia, nem quero acreditar. (descanso não é sono, digamos, sono é sonho é nada)

"Todos os dias saio em busca de algo diferente, / demandei-o há muito por todos os atalhos destes campos; / Além nos cumes frescos visito as sombras, / E as fontes; o espírito erra dos cimos para a planície, (...)", parte de algo que vou oferecer amanhã.

- -
descanso terminado: o resto do dia fazendo bolo por um lado e um catálogo por outro.

No comments:

 
Share